Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > II Encontro Nacional de Ensino e Pesquisa do Campo de Públicas
Início do conteúdo da página

II Encontro Nacional de Ensino e Pesquisa do Campo de Públicas

Publicado: Terça, 05 de Dezembro de 2017, 15h03 | Última atualização em Quarta, 06 de Dezembro de 2017, 09h27 | Acessos: 65

O Observatório Nacional do Mercado de Trabalho participará de mesa redonda no II Encontro Nacional de Ensino e Pesquisa do Campo de Públicas, discutindo "A importância do Observatório Nacional do Mercado de Trabalho e Big Data para a avaliação e monitoramento de políticas".

 

A disponibilidade de um volume de dados cada vez maior representa um desafio e uma oportunidade para aperfeiçoar as políticas públicas de emprego. Por um lado, a capacidade computacional de diversas tecnologias pode facilitar o armazenamento e gestão de um repertorio único de dados do mercado de trabalho. Por outro lado, existem dados que não sempre são compatíveis ou representativos para monitorar e avaliar políticas adequadas para as fases do ciclo de emprego.

 

Um/a trabalhador/a passa por diferentes episódios no mercado de trabalho, desde o momento que se forma até aposentar-se. Adquire habilidades. Descobre uma vocação. Estuda e se forma em algum curso ou carreira. Faz estágio e entra no seu primeiro emprego. Começa a criar uma profissão e ganha direitos. Pede demissão ou é demitido. Recebe algum auxilio e procura emprego novamente. As políticas públicas de emprego só podem ajudar o trabalhador a transitar nesses intervalos sempre e quando se entendam seus desafios.

 

Um observatório nacional de mercado de trabalho, portanto, visa acompanhar a situação do trabalhador no decorrer do ciclo no mercado e aperfeiçoar as políticas de emprego. Complementado com o uso de tecnologia e Big Data, um observatório de emprego pode ajudar a montar um sistema de monitoramento e avaliação da eficiência e da eficácia das políticas públicas de emprego que possam ajudar a responder algumas perguntas. Quais são as intervenções que tem maiores impactos e menores gastos? Quais são as ocupações mais bem pagas e as habilidades mais demandas que tem maior empregabilidade e em que estado/município?

 

Para mais informações, acessar o site do evento aqui.

registrado em:
Fim do conteúdo da página