Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Cadastro Geral de Empregados e Desempregados - CAGED

Acessos: 1671

Contexto do registro: instituído por meio da Lei nº 4.923, de 23 de dezembro de 1965. Fonte de informação de âmbito nacional e de periodicidade mensal, contempla uma parte do mercado de trabalho formal (celetistas). Os objetivos iniciais do Caged eram acompanhar e fiscalizar o processo de admissão e dispensa do empregado, estabelecer medidas contra o desemprego e dar assistência aos desempregados. Ao longo de sua função administrativa, essa base de dados adquiriu outros objetivos, como subsidiar a fiscalização do trabalho, viabilizar o pagamento do seguro-desemprego, atender à reciclagem profissional e à recolocação no mercado de trabalho (intermediação) e gerar estatísticas.

O aperfeiçoamento ocorrido no sistema Caged e também na metodologia de tratamento dos dados tornou esse registro administrativo uma das principais fontes de informações estatísticas sobre o mercado de trabalho conjuntural. Nesse sentido, é a única fonte de informação mensal com desagregação municipal.

Unidade de análise: estabelecimentos formais e vínculos celetistas de emprego que foram admitidos ou desligados no período de referência, possibilitando o cálculo do saldo de empregos celetistas.

Periodicidade de coleta e de divulgação: mensal. Os dados do Caged devem ser enviados ao Ministério até o dia 7 do mês subsequente ao de referência das informações. Contudo, declarações fora do prazo são recebidas por um período de 12 meses e divulgadas a partir do segundo mês da movimentação dos vínculos.

Amplitude da série histórica: desde 1996, mas as declarações mensais fora do prazo estão disponíveis desde 2006.

Abrangência geográfica: nacional.

Nível de desagregação geográfica dos resultados: municipal, com possibilidade de desagregação intramunicipal (pelos microdados) sujeita a critérios de significância estatística. Possibilidade de georreferenciamento da informação intramunicipal.

Cobertura: cerca de 80% a 85% do universo do mercado de trabalho formal celetista.

Características metodológicas: base de dados estatística, gerada a partir da declaração do Caged, organizada em nível da movimentação (admissões e desligamentos) de vínculos celetistas, possibilita o cálculo do saldo de empregos em determinado período. Contém todas as movimentações informadas por competência de referência. Ademais, anualmente são divulgadas informações para o estoque de empregos em 1º de janeiro.

Divulgação da declaração recebida fora do prazo: a partir de janeiro de 2011, o Ministério passou a divulgar mensalmente o resultado do saldo do Caged com as informações de movimentação de admissão e de desligamento declaradas fora do prazo de competência. Anteriormente, as declarações do Caged realizadas fora do prazo eram computadas apenas no momento de construção do estoque de emprego com referência em 1º de janeiro de cada ano. O estabelecimento tem até 12 meses para a declaração após a competência da movimentação. Embora estatisticamente a quantidade de declarações fora do prazo não tenha um peso muito significativo, há um desafio no uso do Caged como fonte de acompanhamento conjuntural, posto que a informação divulgada em um mês pode se modificar no(s) mês(meses) seguinte(s), podendo ter impactos, principalmente, no uso da informação desagregada (recorte de perfil populacional por município, por exemplo). O pesquisador responsável deve acompanhar o peso das declarações fora do prazo nas informações do território que ele analisa e sugere-se a adoção de estratégias parcimoniosas para análise dos dados a partir da divulgação mensal.

Salários: a informação captada é a do salário de admissão e do salário de desligamento, conforme declarado na carteira de trabalho, ou seja, não contempla as demais informações que consistem o restante da remuneração do trabalho, conforme estabelece a Rais. É importante reforçar que a análise da tendência da massa de salários de admissões e desligamentos não representa a massa de rendimentos da totalidade dos trabalhadores empregados.

Informação identificada: a coleta dos dados é feita de forma identificada, sendo as chaves de identificação: dos estabelecimentos, o número do CNPJ e do CEI vinculado (caso haja); dos trabalhadores, o número do PIS. Essas informações identificadas permitem o cruzamento com outras fontes que possuam essas mesmas informações. Ademais, somente as informações identificadas permitem acesso ao endereço do estabelecimento declarante, possibilitando a desagregação intramunicipal da informação. Esses dados são restritos e requerem solicitação de acesso específico junto ao departamento responsável no MTb.

Informações disponíveis somente nos microdados: algumas variáveis da base de dados estão disponíveis somente nos microdados. É o caso de cor/raça, deficiência, informações sobre afastamentos, algumas desagregações territoriais, subclasse Cnae (nas tabulações estão disponíveis somente até classe Cnae) e ocupação CBO (nas tabulações estão disponíveis somente até família ocupacional). O acesso às informações pelos microdados permite outras formas de organização das mesmas informações disponibilizadas nas tabulações do sistema Dardo Web. Por exemplo, é possível construir faixas etárias diferentes, criar categorias geográficas que não estão disponibilizadas como padrão no sistema, entre outras possibilidades próprias do uso deste tipo de base de dados.

 

Manual Caged: http://acesso.mte.gov.br/data/files/FF8080814BCC383D-014C5259681E6B14/Manual_Caged_2015.pdf

Acesso:

Tabulações: Plataforma Dardo: http://bi.mte.gov.br/bgcaged/login.php/

Evolução de Emprego do Caged-EEC (tabulações padronizadas para informações de setores de atividades econômicas, para unidades da Federação, principais regiões metropolitanas, municípios com mais de 100.000 habitantes para o estado de São Paulo e 30.000 habitantes para os demais estados: http://bi.mte.gov.br/eec/pages/consultas/evolucaoEmprego/consultaEvolucaoEmprego.xhtml#relatorioSetor

Caged Estabelecimento (onde se obtêm os dados do estoque em 1º de janeiro): http://bi.mte.gov.br/cagedestabelecimento/pages/consulta.xhtml#

Microdados: http://acesso.mte.gov.br/portal-pdet/home/

registrado em:
Fim do conteúdo da página